terça-feira, 23 de junho de 2009

De quem esperar?



















Afeto, carinho, amizade, perdão.
Por mais que o homem seja ruim e malicioso, sempre acaba esperando pelo menos uma centelha de consideração do outro. Por causa da convivência, do amor, da paciência, benefícios, vantagens, vontades...

Só que mesmo assim muitos lados acabam saindo machucados. E pra onde foram todas as coisas boas pelas quais esperamos? Será que elas ainda vão aparecer?

Eu acredito que sim. Quando nos agarramos aos sentimentos certos, um dia conseguimos ver alguém olhando pra gente de volta. Isso porque construir relações com as pessoas é difícil. Amar é difícil. Mas será que não é mais difícil ainda deixar de amar?

Eu não abro mão de quem me faz bem. Talvez eu não esteja tão perto quanto poderia, mas essas pessoas são aquelas que me fazem feliz pelo simples fato de existirem. E eu faço tudo por elas. E elas vão sentir isso no momento que precisarem de mim.

Me amar e ser grato não é só passar por coisas boas ao meu lado. É as vezes não poder fazer nada, mas estar lá, talvez não fisicamente, mas com o coração. Será que alguém está entendendo? Pra mim, esse é o verdadeiro significado do amor.

2 comentários:

Marilia disse...

Mas que lindo Dayse ^^ Tbm concordo com vc em relação ao amor! Ve se ñ esquece essa chata aki ok!?Beijoss *; Marília

Lola disse...

Que lindo.!
É exatamente a mesma coisa que penso em relação ao amor.
E ai como vão as coisas Oráculo?
Saudades de zuar com vocês...

Bjinhos
:*